Testemunhos de Coaching

Atendimento Individual

"Quando iniciei o processo Coaching sentia-me confusa, triste e extremamente desmotivada principalmente com o trabalho. Este sentimento arrastou-se também para a minha vida pessoal, sentia que a minha vida se resumia a trabalhar sem ter espaço para a realização de objetivos e realizações pessoais. O trabalho e os problemas neles envolvidos ocupavam a minha cabeça durante todo o dia, inclusive em sonhos. Estava a passar por uma fase depressiva que não me permitia ser feliz e ter vida própria! Um ano depois de ter iniciado o processo de Coaching a minha mudou 360º, foi um processo relativamente lento até porque a aceitação e compreensão das nossas emoções não acontece de um dia para o outro, é necessário aplicar as várias técnicas sugeridas pela Rita, tais como o tapping, para que as nossas crenças e preconceitos sejam desbloqueados por forma a permitir a mudança tão desejada. Por muitas vezes dei por mim a querer fazer ou decidir determinado tipo de coisas, mas estava a ser bloqueada pelos meus preconceitos. Neste momento sinto-me FELIZ e realizada uma vez que pude colocar em prática todas as ideias e objetivos.... O fato de ter tido a coragem de me despedir, despertou em mim a vontade de iniciar novos projetos e dedicar-me a outro tipo de trabalhos que antes eram apenas hobbies. Neste momento continuo a exercer a minha profissão, faço alguns trabalhos por conta própria, mas dedico-me também a outras áreas com as quais sempre me identifiquei e que me fazem sentir realizada não só a nível profissional mas também a nível pessoal. Se faria o investimento neste processo? Sim faria! Foi o processo de extrema relevância para a minha vida pessoal, anteriormente já havia sido acompanhada por uma psicóloga mas senti que o trabalho de Coaching foi mais ao encontro daquilo que eu precisava para mudar a minha vida. A Rita é acima de tudo uma excelente ouvinte, ela dá o espaço necessário quando necessário. Houve vários dias em que  precisei apenas de ir descarregar toda a pressão, depressão e ansiedade que viviam dentro de mim, das injustiças e revoltas que me acompanhavam e nesses dias ela respeitou a minha necessidade. Naqueles dias em que eu ia mais calma ela focava-se precisamente nos pontos que eu precisava de mudar, que neste caso eram o auto controlo das minhas emoções! Não me esqueço da serenidade das suas palavras e da voz doce com que abordava os assuntos mais delicados, ao ponto de me permitir libertar as minhas emoções (chorar) sem qualquer vergonha... Também não me esqueço do olhar penetrante, azul do céu, que por vezes parece que nos entra pela alma e nos lê as emoções, transmitindo a confiança de que tudo vai dar certo."

Alice Costa, Engenheira Civil de 28 Anos

"O início do processo de Coaching começou quando decidi procurar ajuda para atingir um objetivo a que me propus. Inicialmente sentia-me perdida, sem motivação, confusa com as inúmeras tarefas que eram necessárias para o atingir e a começava a sentir-me ansiosa, em todos os momentos do dia. Durante umas semanas pensei em adiar, em desistir do projeto. Não conseguia ter tempo para mim, e apesar de não fazer mais nada do que estar em frente ao computador, não adiantava qualquer trabalho. A minha queixa diária, era "eu não tenho rotinas!".

No processo de Coaching, compreendi que existam muitos pontos positivos na minha vida, que me tinham levado até aquele momento. Que eu tinha "ferramentas" para continuar o projeto. Este projeto é complexo e é paralelo há minha profissão. A Rita ajudou-me a utilizar uma dessas ferramentas, a gestão das tarefas: refletir quanto tempo levo a fazer uma tarefa, em que altura do dia me sentirei melhor para a realizar. Organizar o tempo, apesar da baixa motivação, fez com que fosse cumprindo as tarefas, e atingisse o objetivo a que me tinha proposto. Após atingir o objetivo tive uma grande sensação de alívio. Mas o projeto continua e para diminuir a ansiedade, utilizo os "truques" que aprendi, escrevo as tarefas, planeio a semana e sinto-me mais tranquila e confiante.

O investimento financeiro foi necessário e voltaria a fazê-lo. Ao longo do projeto muito provavelmente voltarei a recorrer ao Coaching para me ajudar a ultrapassar obstáculos e sentir-me mais capaz. Felizmente tenho ao meu redor muitas pessoas (família, amigos, colegas) que me apoiam, que me ajudam, no entanto, existem alturas onde só nós podemos fazer e decidir por nós, procurar ajuda especializada pode ser uma alavanca importante para nos conhecermos melhor.

Trabalhar com a Rita, foi muito fácil, transmite calma, tranquilidade e experiência. O trabalho com a Rita não acaba no final da sessão, os trabalhos de casa que recomenda, ajudam a não perder o foco. A Rita mantém um acompanhamento da progressão do desenvolvimento de perto, por email ou mensagem, pude sempre ter contacto com a minha Coach."

Cátia Rosa (Enfermeira)

 

“Quando comecei o processo de Coaching sentia-me perdida e "estancada", parecia que nada na minha vida profissional avançava. Depois de iniciar, acho que o que mais mudou foi o facto de já não me sentir, nem perdida nem "estancada". Consegui definir objetivos, posicionando-me fora de "mim", dos bloqueios que me impediam de avançar. Hoje em dia estou mais tranquila. Vou aceitando o que se apresenta na minha vida com mais tranquilidade e concentração. Já não me "perco" tão facilmente e consigo ponderar as situações, as vivências, de uma forma mais consciente e mais clara. Se voltaria a fazer o processo? Claro que sim, porque acho que sempre há algo novo a aprender sobre nós próprios, e porque acredito que se conseguir-mos fazer algo mais para a nossa vida ser vivida com mais alegria, e tranquilidade... então…por que não? No Coaching somos guiados, orientados, ajudados a evoluir, progredir, aprender, a resolver um problema, algo que nos aflige, algo que nos impede de estarmos bem...ou mais do que isso, é sobre nos descobrirmos a nós próprios e as nossas capacidades. Trabalhar com a Rita é fantástico! É trabalhar com alguém que nos dá a cana e não nos dá o peixe! :-) Adorei conhecer-te. Fico feliz por eu própria ter tido a coragem, mais uma vez na minha vida, de ter dado este passo em frente. Estou feliz! :-) Agradecida!!! :-)".

Andrea Moura, 36 anos, Empresária.

 

 

“Quando iniciei o processo de Coaching com a Rita sentia medo e uma enorme vontade de mudar. Vontade de sair de um emprego fixo que durava há onze anos e ao mesmo tempo medo de sair de lá, medo das opiniões dos outros, medo do desconhecido, medo, medo, medo...mas muita vontade em mudar. Vontade de trabalhar na área que me faz feliz e principalmente de estar mais tempo com os meus filhos! Depois de iniciar o processo de Coaching, tudo mudou! Aprendi a erradicar os meus medos e comecei a sentir mais confiança em mim e então comecei a trabalhar no meu projeto, sessão após sessão até que tive coragem para enfrentar a mudança! A mudança traz sempre prós e contras, no meu caso foram mais prós. Nunca saberemos se não tentarmos e hoje sou mais feliz! Quem não arrisca não petisca, parece que é mesmo assim!Hoje trabalho a partir de casa e tenho mais tempo para os meus filhotes! Sem dúvida que faria novamente o investimento que fiz neste processo. Tinha muita vontade de mudar a minha vida mas se não fosse a Rita talvez levasse muito tempo ou nem aconteceria. A Rita é uma pessoa muito acessível e transmite confiança e tranquilidade para além de profissionalismo. Fui sempre com muita vontade para cada sessão e estou grata por ela fazer parte desta minha mudança!”.

Lídia, 33 anos, mãe e auxiliar em puericultura.

 

 

“Quando decidi iniciar o processo de Coaching, sentia que algo estava errado na minha vida, que caminhava para algo negativo e queria mudar o foco para algo melhor. Para que as questões familiares e profissionais fluíssem de uma forma natural, mas de uma forma positiva. A grande maior parte das vezes atribuímos a culpa ao azar, fracasso ou organismos externos…sim eles vão existir sempre, mas aqui o grande segredo que aprendi com a Rita Vieira é que não podemos controlar os agentes externos, mas sim a forma como lidamos com eles. De certa forma o que mudou foi a minha forma de pensar e agir em relação ao objeto causa e efeito. Sinto- me mais calma, confiante e positiva num futuro melhor. Foi uma experiência enriquecedora a todos os níveis, principalmente pessoal. A Rita é um ser humano espetacular pois coloca-nos logo à vontade, não julga, nem crítica, o objetivo dela é apenas ajudar-te.”

Vera, 28 anos, Dietista.

 

 

"Quando decidi fazer as sessões de Coaching estava frágil em todos os sentidos, não me sentia capaz e achava que para mim tinha chegado o fim, mas a vida empurrava-me contra a minha vontade para a frente com novos projetos. Porém antes de iniciar os projetos sentia que me iria sabotar por isso sabia que tinha de fazer algo e foi quando encontrei a Rita. Depois de iniciar as sessões vi que as respostas estavam dentro de mim. Com os exercícios aprendi a controlar o stress e comecei a ter controlo sobre mim e sobre os meus medos que antes tomavam conta da minha vida. Hoje em dia sei que os meus medos existem e estão aqui comigo, porém não me controlam mais! Consegui sozinha depois das sessões encerrarem, identificar as pessoas tóxicas que me deixavam em baixo. Hoje já não deixo ninguém e nem meus medos tomarem as decisões por mim. Sinto-me livre finalmente, sinto me EU. Faria novamente o investimento nas sessões, porque hoje mais do que nunca, somos controlados pelos medos e deixamos que eles tomem conta de nós e o Coaching dá-nos as ferramentas necessárias para os combater. Este foi o primeiro investimento de muitos em mim mesma!Trabalhar com a Rita foi muito bom, ela teve a paciência necessária comigo, não desistiu nem por um momento de mim e deixou-me encontrar as respostas sozinha e que estavam sempre comigo. Voltarei com certeza trabalhar com ela brevemente." Joana, 25 anos, estudante.

 

“Quando decidi iniciar o processo de Coaching com a Rita sentia-me meio perdida, sem saber que rumo dar à minha vida. Tinha uma sensação de caos e confusão e a minha vida estava completamente desorganizada. Quando iniciei as sessões organizei as ideias e tornei a minha vida mais organizada e simples, consegui focar-me no que era importante e definir objetivos. Simplesmente tornou-se claro que rumo seguir. Hoje posso dizer que me sinto tranquila, forte, corajosa, confiante e convicta. Sem dúvida que voltaria a fazer. Foi um investimento que fiz para mudar e melhorar a minha vida e isso é importante para mim. Em vez de andar perdida sem saber por onde seguir, poupei tempo e dinheiro seguindo na direção certa. Trabalhar com a Rita é fácil e agradável. Transmite tranquilidade, segurança e confiança, conduzindo sempre as consultas na direção certa.”

Andreia, 37 anos, Operadora de Caixa.

 

“Na primeira sessão de Coaching sentia-me confusa e perdida, com uma necessidade enorme de mudar alguns aspetos da minha vida, mas para isso acontecer tinha que primeiro acreditar na minha força interior e nas minhas capacidades. Mudei a perceção de muitas coisas…houve uma mensagem passada que não irei esquecer…quando as pessoas não estão em sintonia contigo, não percebem o que sentes, a tua maneira de ver as coisas e de agir. Hoje sinto-me com vontade para agir, mais confiante, mais determinada, mais equilibrada, mais tudo…antes estava completamente adormecida.
Se faria novamente? Sim, aliás continuo a fazer mas agora eu sou a Coach de mim mesma. Foi uma experiência muito gratificante, estou-lhe grata. Aprendi que as respostas a todas as nossas dívidas e incertezas estão dentro de nós, o Coach vai-nos ajudar-nos através de perguntas muito pertinentes a encontrar as respostas para as nossas questões. Tenho agora uma visão diferente das coisas, se antes a vitimização era o meu prato predileto, hoje é uma das coisas que quero afastar da minha vida.  Hoje em dia e inconscientemente, se alguém se queixa, eu pergunto a seguir, mas o que fizeste para mudar isso?
Sem dúvida e com toda certeza comecei a ter uma visão da realidade muito diferente, que eu sei que muitas pessoas não têm. E acreditem depois de tomar contato com esta área, vejo realmente que existem muitas pessoas a precisar de Coaching.”  

Mafalda, 33 anos, Designer

 

 

“Recorri às sessões de Coaching com a Rita, quando senti que era o momento chave da minha vida para adquirir confiança e segurança para poder agarrar uma oportunidade profissional na minha vida. As sessões permitiram-me encontrar estratégias e comprometer-me a implementá-las. Deram-me força para avançar e encontrar respostas às minhas incertezas. Descobri que o potencial está em nós, cabe-nos a nós saber utilizá-lo e reconstruir pensamentos destruidores e limitadores. Não devemos esperar por “milagres” na nossa vida, depende de nós conseguir alcançar o que queremos. Sem o coaching teria sido difícil ganhar ânimo e armas para avançar. Obrigada Rita!”  

Teresa, 30 anos.

"Antes de iniciar o processo de Coaching estava perdido sem saber o que fazer da minha vida, deprimido sem qualquer tipo de motivação, não fazia nada de produtivo e perdi noção do tempo,. A minha vida era miserável e eu já tinha aceitado aquele estilo de vida e não me importava com o futuro. Depois de iniciar as sessões senti-me mais relaxado e mais confiante em mim próprio, depois de cada sessão sentia-me cada vez mais motivado a obter os objetivos que tinha marcado. Hoje em dia sinto-me motivado e de uma forma geral mais feliz, valorizando as coisas boas que tenho na vida e não dando ênfase as más como fazia outrora. Não vou mentir de vez em quando tenho umas recaídas em que só me apetece fechar-me no meu quarto e não falar com ninguém durante 1 semana o que penso ser normal depois de quase 2 anos com esse estilo de vida, mas rapidamente recupero e volto ao meu estado normal. Se não fossem as sessões de Coaching tenho 100% de certeza que me deixaria levar pelos meus maus hábitos e não teria esta motivação para mudar a minha vida para melhor. Faria novamente o investimento porque pela minha experiência pessoal ajudou-me imenso e aprendi coisas que me vão ser úteis para o resto da minha vida. Nas sessões, o ambiente é bastante acolhedor e sentimos que podemos falar de tudo com a Rita sem qualquer receio."

Daniel, 19 anos, estudante.

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now